PM e morto após troca de comando em Ipatinga na sexta-feira



A Polícia Militar efetuou na tarde desta segunda-feira (11), por vota de 15h, a prisão de cinco pessoas, suspeitas de envolvimento na morte de um cabo, ocorrido nessa sexta-feira (8) no bairro de Águas Claras em Santana do Paraíso. Quatro dos cinco integrantes foram presos na região do Vale do Aço, enquanto o quinto elemento, Wesley Neves dos Santos Silva, o "Timirim" (fotos abaixo) foi preso na cidade de Raul Soares. De acordo com a PM, eles confessaram a participação no assassinato do policial Amarildo Pereira de Moura, de 50 anos, que foi executado com nove tiros, em uma estrada de terra, a caminho de sua chácara em Santana do Paraíso. Policiais do Posto Policial do Canaazinho, confirmaram que dois suspeitos foram conduzidos para delegacia. Outros dois se encontravam ainda naquela unidade sendo ouvido. “Estamos também esperando a chegada de Timirim, que tudo indica ser o mentor do homicídio de nosso colega”, disse o militar. Um dos suspeitos negou ter matado o policial. O grupo teria confessado que fez uma “tocaia”, e no momento em que o policial seguia para sua chácara, foi atingido pelos disparos na cabeça, costas, braço e perna. O cabo Amarildo participou do desfile durante a troca de comando do 14º batalhão e foi morto poucas horas depois. Autoridades responsáveis pela apuração do caso aguardam a chegada de Timirim em Ipatinga, para que os envolvidos possam ser apresentados na delegacia. "Timirim" é morador do Bairro Bethânia e a Polícia acredita que o crime teria ocorrido por motivo de vingança. Logo que soube do crime, a Polícia intensificou os trabalhos pela captura dos suspeitos ainda na tarde do ocorrido.

No Response to "PM e morto após troca de comando em Ipatinga na sexta-feira"

Powered by Blogger